sexta-feira, 30 de setembro de 2011

Citações


"Não há um plano para nada[....]Os ministros cortam aqui e cortam ali[...] talvez bem talvez mal [...]. Infelizmente [...] parece uma caçada aos pardais.

Os ministros coitados não ajudam.[ ... ]O ministro da Economia, que escreveu um livro pedante e pueril[...] desapareceu num mundo que ele não conhece. [...]E o sr ministro Relvas, sem qualquer autoridade que o país reconheça, ocupa quase o palco sozinho, e gesticula e berra, provavelmente sem consequência.[ ...] O Governo [...]  não convence. Passos Coelho é um homem[....]à procura do compromisso e da unidade. E um homem hesitante à procura de firmeza e de respeito. É muito capaz de perder pelos dois lados."

Vasco Pulido Valente, no Público

2 comentários:

  1. Ainda não li ( tenho andado arredado dos jornais e da blogosfera, por causa da Greenfest que me tem absorvido muito tempo) mas desde já posso adiantar que subscrevo o VPV.
    Em relação aos cortes, tenho um post na cabeça que vai exactamente no mesmo sentido. E a ideia peregrina de extinguir as Fundações temporariamente, é de uma imbecilidade atroz.
    Quanto ao Relvas é melhor nem falar... Um inimputável igual ao Jardim, em versão continental.

    ResponderEliminar
  2. É um texto notável, como só VPV é capaz...

    ResponderEliminar